Odontopediatria

 

Especialidade que realiza o diagnóstico e tratamento de problemas de saúde bucal do bebê, da criança e do adolescente de 0 a 12 anos acompanhando também a educação para a saúde bucal e a união desses procedimentos com os dos outros profissionais da área da saúde.

 

Odontopediatria para recém-nascidos

A dentição decídua (também conhecida como “dentes de leite”) já existe mesmo quando os dentes ainda não nasceram.  Por isso, é importante compreender a necessidade de cuidados, mesmo que os dentes ainda não sejam permanentes.

 

Apesar de temporários, são muito importantes e influenciam diretamente no desenvolvimento da fala, mastigação e oclusão.

Em uma primeira visita do bebê junto ao odontopediatra, o especialista dará as orientações necessárias para higienização da gengiva da criança até que ela esteja pronta para retornar.

 

Odontopediatria e os primeiros dentinhos

Esse checkup é recomendado quando os dentinhos aparecem. Bebês geralmente nascem com 20 dentes de leite sob a gengiva que começam a aparecer por volta dos 6 meses de idade.

A partir daí, deve se tornar um hábito limpá-los diariamente. É importante saber que o leite materno também pode causar cárie e por isso os cuidados e observação devem ser constantes.

O controle e atenção aos dentes de leite e visitas constantes ao odontopediatra pode também prevenir problemas ortodônticos futuros.

 

Dentição de leite completa! A odontopediatria ainda é necessária?

 

Por volta dos 3 anos idade a arcada dentária da criança já está completa e até começando a dar espaço para que os permanentes apareçam.

Muitos hábitos como a técnica correta para escovação dos dentes são desenvolvidos no início da vida e por isso é importante acostumar as crianças à importância dos cuidados com a saúde bucal.

A partir daí já se espera visitas mais assíduas com intervalos de, em média, 6 meses. Esse tempo pode sofrer variações de acordo com os hábitos de cada um.

É importante não adiar o acompanhamento preventivo. Independente de qual fase esteja sua criança, você já pode marcar uma consulta com nossa odontopediatra.

" A criança deve ser ouvida na consulta, deve se sentir protagonista, respeitada e ensinada, jamais esquecendo que possui características próprias, que ela é única. Não cuido somente da criança em si, pois para um tratamento eficaz é importante lançar um olhar de amor para todo o seu núcleo familiar, compreendendo que essa criança tem uma história, uma rotina e hábitos que devem ser considerados e, em parceria com a família, construímos juntos o tratamento, visando sempre o melhor para o pequeno.
Ser odontopediatra requer boas técnicas, linguagem apropriada, conhecimento e bastante carinho, exerço a profissão com muito amor, paciência e dedicação." 

Dra. Milene Martins

 

 

Marcar Consulta

Whatsapp Ligar Agora

 

Acompanhamento a Longo Prazo

Não fazemos somente o tratamento, queremos acompanhar o desenvolvimento da criança até a adolescência e a idade dulta.

Consultório Moderno

Estrutura planejada para ser agradável e divertida para as crianças, proporcionando a tranquilidade necessária para o tratamento.

Dra. Milene Martins

Odontopediatra
Não existe limite de idade. Quanto mais cedo melhor. A consulta do odontopediatra não envolve somente a criança, mas também os pais. Nesta consulta, além de um exame minucioso da criança serão repassados todos os cuidados com alimentação, hábitos e técnicas de limpeza e higienização da criança.
Geralmente a troca dos dentes inicia após os 5 anos. Mais importante que a idade da troca, é a sequência da troca dos dentes e os cuidados com os dentes que estão chegando.
Na infância, a preocupação se dá com o crescimento das estruturas ósseas. É nesta fase que todo crescimento acontece e pode ser modificado pelo ortodontista. Por isso, quanto antes nosso pequeno paciente for avaliado por um odontopediatra ou ortodontista melhor.
O freio lingual é uma pelinha fibrosa que segura a língua da criança dificultando mamada quando a criança nasce, a fala e deglutição em crianças maiores. A remoção deste freio é muito simples. Quando feito a laser não tem sangramento. O procedimento é rápido e a cicatrização também. É muito importante que a o procedimento seja feito com um profissional experiente e acostumado com manejo da criança.
O selante é um cimentos colocado nas fissuras e cicatrículas dos dentes das crianças que possuem maior chance de desenvolverem lesões cariosas. É uma "ajuda" na proteção dos dentes das crianças que, como todas elas, ainda não possuem um cuidado muito apurado e ainda está em contato com substâncias que aumentam o risco de cáries como açucar, balas, chicletes.
O número de dentes pode variar com a idade. A criança na dentição de leite completa possui 20 dentes por arcada, sendo 20 dentes no total. Em dentição mista, pode ter até 12 dentes por arcada. Somando 24 no total. Na dentição permanente completa, a criança pode ter até 14 dentes por arcada sem os sisos que nascem aos 18 anos.